Trilha sonora para uma sexta chuvosa

Nick Drake eh desses obscuros artistas rimbaudianos que deram o fora desse planeta muito cedo, aos vinte e poucos anos, deixando um legado de tres discos de folk profundamente tocantes.

Para amplificar esse sentimento de sinceridade poetica de alta voltagem, numa sexta chuvosa, sugiro uma poesia de  Torquato Neto (outro dessa estirpe de Drake e Ana Cristina Cesar):

“Eu sou como eu sou
pronome
pessoal intransferível
do homem que iniciei
na medida do impossível

Eu sou como eu sou
agora
sem grandes segredos dantes
sem novos secretos dentes
nesta hora

Eu sou como eu sou
presente
desferrolhado indecente
feito um pedaço de mim
Eu sou como eu sou
vidente
e vivo tranqüilamente
todas as horas do fim.”

Anúncios